Rondônia, Brasil, sexta-feira, 28 de janeiro de 2022, às 21:17:58 - Email: [email protected] - Telefone: 69 9957-2377



Primeiro lote com vacinas da Pfizer para crianças chega em Rondônia

- Advertisement -


Imunizantes chegaram ao estado nesta quinta-feira (14), no Aeroporto Governador Jorge Teixeira. Vacinação em Porto Velho deve começar na próxima segunda-feira (17).

Chegada das vacinas pediátricas em Rondônia — Foto: Matheus Gama/Rede Amazônica

O primeiro lote de vacinas infantis contra a Covid chegou em Rondônia na manhã desta sexta-feira (14). Ao todo, 11.600 doses da Pfizer chegaram e devem ser distribuídas para as seis regionais do estado ao longo da próxima semana, sendo:

  • Ji-Paraná – 2.550 doses
  • Cacoal – 1.120
  • Vilhena – 970
  • Ariquemes – 1.840
  • Rolim de Moura – 1.220
  • Porto Velho – 3.900
- Advertisement -
- Advertisement -

Porto Velho

- Advertisement -

A cidade de Porto Velho confirmou que vai começar a imunização de crianças contra Covid-19 a partir da próxima segunda-feira (17). O público a ser imunizado é o de 5 a 11 anos.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Porto Velho tem 54 mil crianças na faixa etária a ser contemplada com as vacinas da Pfizer. Desse total, cerca de 3 mil crianças são imunossuprimidas.

O treinamento dos profissionais que farão parte da campanha de imunização terminou nesta sexta e segundo a prefeitura, todos os pontos estarão funcionando na segunda-feira.

Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde informou que não será necessária receita médica para a aplicação da vacina. A autorização por escrito só será necessária se não houver pai, mãe ou responsável presente no momento em que a criança for vacinada. A vacinação deve acontecer:

  • Em ordem decrescente de idade (das crianças mais velhas para as mais novas), com prioridade para quem tem comorbidade ou deficiência permanente e para crianças quilombolas e indígenas;
  • Sem necessidade de autorização por escrito, desde que pai, mãe ou responsável acompanhe a criança no momento da vacinação;
  • Com intervalo de oito semanas – um prazo maior que o previsto na bula, de três semanas.

Por: G1/RO

- Advertisement -










Veja também



Notícias relacionadas