Rondônia, Brasil, sexta-feira, 28 de janeiro de 2022, às 20:16:52 - Email: [email protected] - Telefone: 69 9957-2377



Servidores da Idaron dão apoio ao serviço veterinário oficial da Bolívia e vacinam rebanhos contra a raiva dos herbívoros

- Advertisement -


Servidores da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron) retomaram, neste mês de dezembro, às ações de apoio ao Serviço Nacional de Sanidade Agropecuária da Bolívia (Senasag), para monitoramento e inspeção dos rebanhos, com exame de pata e boca, e combate à raiva dos herbívoros, por meio de vacinação contra a doença. Ao todo, serão aplicadas 14,6 mil doses da vacina.

Além de proteger os rebanhos, combatendo e prevenindo doenças infecciosas que podem comprometer a segurança sanitária dos animais e causar perdas econômicas ao produtor, a cooperação entre a Idaron e Senasag reforça o programa sanitário boliviano, ajudando a região a avançar sanitariamente para conseguir o status de livre de febre aftosa sem vacinação, com reconhecimento internacional e, ao mesmo tempo, garantir, através das ações de fronteira, a manutenção do status de livre de aftosa sem vacinação em Rondônia.

- Advertisement -
- Advertisement -

As atividades, que seguem as orientações do Governo de Rondônia, são desenvolvidas em propriedades localizada nos territórios bolivianos do Departamento Del Beni, Pando, Passo Firme, Remanso, Cafetal, Bela Vista, Pacuzal e Las Cruz, região que faz fronteira com os municípios de Guajará-Mirim, Costa Marques, Pimenteiras e com o distrito de Porto Rolim, em Alta Floresta.

- Advertisement -

O trabalho teve início dia 1º de dezembro, em Porto Rolim e Pimenteiras. No distrito pertencente a Alta Floresta a atividade segue até sexta-feira, 10, já em Pimenteiras o serviço só será finalizado dia 13. na região de Guajará-Mirim a operação teve início nesta terça-feira, 7, e segue até o dia 21. Em Costa-Marques, os trabalhos iniciaram no último sábado, 4, e só será encerrado dia 19. Todas as ações são acompanhadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), através da Superintendência Federal de Agricultura em Rondônia.

PARCERIA

Desde a criação da Agência Idaron, em 1999, quando deu início ao plano de sanidade animal e erradicação da febre aftosa, o Governo Estadual reconheceu a importância de atuar em conjunto com a Bolívia e, mais recentemente, por conta do reconhecimento internacional como área livre de febre aftosa sem vacinação, reforçou as unidades da Idaron na fronteira, com ampliação dos serviços e cooperação nas fiscalizações, a fim de manter a prevenção de doenças.

O objetivo é garantir a proteção dos rebanhos de Rondônia e integrar os serviços veterinários oficiais de Rondônia e dos departamentos bolivianos, possibilitando tanto a troca de informações em tempo real, quanto a capacitação técnica, para um melhor desempenho profissional de ambas as agências. “Essa parceria permite que possamos atuar de forma integrada ao longo de toda fronteira entre o Brasil (Rondônia) e a Bolívia, com efetivo atendimento não só ao pecuarista, mas a todo produtor rural que esteja instalado nessa área de alcance”, salientou.

Fonte
Texto: Toni Francis
Fotos: Idaron
Secom – Governo de Rondônia

- Advertisement -










Veja também



Notícias relacionadas