Rondônia, Brasil, terça-feira, 19 de outubro de 2021, às 01:59:16 - Email: fv@folhadevilhena.com.br - Telefone: 69 9957-2377




GeralCentro Municipal de Castração de Vilhena tem licitação em andamento pela Prefeitura

Centro Municipal de Castração de Vilhena tem licitação em andamento pela Prefeitura


Espaço vai colaborar para resolver antiga problemática de animais de rua na cidade

Foto: Semcom

- Publicidade -

A Prefeitura de Vilhena está com licitação aberta para contratação de empresa para construção do Centro Municipal de Castração em Vilhena. A abertura das propostas está prevista para o dia 4 de outubro, às 8h. Envolvendo investimentos previstos de R$ 400 mil, a obra conta com emenda do deputado estadual Luizinho Goebel.

- Publicidade -

“Temos um compromisso firmado já há alguns anos com essa causa e dentro de nossas possibilidades estamos fazendo o possível para resolver os principais problemas enfrentados pela causa animal. Um deles é a presença de animais nas ruas, que se multiplicam a cada ano. Assim, com a castração, ao longo dos próximos anos, veremos uma redução gradual dessa população de cães e gatos soltos. Junto de outras iniciativas que estamos já há meses trabalhando, poderemos contribuir muito para a questão ser resolvida”, explica o prefeito Eduardo Japonês.

Além do Centro Municipal de Castração, a Prefeitura trabalha na análise de documentos para firmar convênios com associações locais que ajudam animais de rua, trabalha no desenvolvimento do Banco Municipal de Adoção de Animais “Meu Pet Favorito”, divulga a lei municipal que prevê ajuda às associações beneficentes da causa animal através da doação na conta de água, bem como busca conscientizar a população quanto aos cuidados necessários com seus cães e gatos de estimação.

A tomada de preço para o Centro estava prevista para fevereiro deste ano, porém, a crise pandêmica gerou uma elevação nos preços de materiais para construção, desta forma, foi necessário fazer uma atualização de valores para que haja empresas concorrentes, como explicou a secretária municipal de Planejamento, Sueli Magalhães.

“No início do ano informamos a previsão de tomada de preços no mês de fevereiro, o valor previsto para a construção na época era de R$ 349 mil, porém, veio a pandemia e gerou elevação nos preços, desta forma, não haviam empresas dispostas a participar da licitação. Fizemos uma atualização das planilhas e o valor aumentou um pouco, o valor máximo será de R$ 400.606,40”, explica Sueli.

O deputado Luizinho fez a destinação do recurso em 2019 e destaca a importância do Centro de Castração em Vilhena, já que a população de animais vadios tem crescido na cidade. “É uma obra que, como disse anteriormente, será muito positiva para a cidade. São quase 140 metros quadrados de área construída. A ideia inicial era um castramóvel, mas diante da necessidade e do tamanho de Vilhena, esse Centro de Castração poderá atender de maneira mais abrangente a demanda local”, destacou o deputado.

O atual secretário municipal de Saúde, Wagner Borges falou sobre o aumento no número de animais em situação de rua causados pela pandemia e de como o Centro de Castração terá um impacto positivo na cidade também na área da saúde.

“Temos visto que durante a pandemia houve um aumento no número de animais vadios, muito por conta da diminuição na renda familiar, que infelizmente levou famílias a se desfazer de maneira errada de animais domésticos. Em contato com as ONGs da cidade, percebemos que também houve devolução de animais recém adotados. Esses cães e gatos acabam tendo que buscar alimento no lixo, proliferando doenças. O prefeito Eduardo e o deputado Luizinho estão de parabéns por ter visto essa necessidade e buscar uma solução”, explica Wagner.

Quem também se destacou e vem defendendo essa bandeira é o secretário de Meio Ambiente, Rafael Maziero, autor de projeto de doação para a causa animal. Aprovado em 2017 pela Câmara Municipal de Vereadores, com autoria dos vereadores Wilson Tabalipa e Samir Ali, o projeto possibilitava doações para o Lar dos Idosos e Apae. Em 2019, o então vereador Rafael Maziero ampliou o projeto para beneficiar também a ONG Amor de 4 Patas. A intenção da iniciativa é que a doação dos apoiadores destas entidades seja mensal à instituição com a qual o contribuinte mais se identifica. A quantia será descontada automaticamente na fatura, com transferência integral para a instituição desejada.

“Sabemos da necessidade e do trabalho que eles têm tido no resgate e cuidado para com animais de rua. É uma bandeira que sempre tenho defendido e que tem se concretizado também com a construção do Centro de Castração”, finalizou Rafael.

Após a contração, a empresa vencedora terá prazo previsto de 150 dias para a execução da obra.

Semcom



VEJA MAIS NOTÍCIAS

- Anúncio-

Agricultura

Mais notícias

- Anúncio-