Rondônia, Brasil, terça-feira, 19 de outubro de 2021, às 02:31:25 - Email: fv@folhadevilhena.com.br - Telefone: 69 9957-2377




Geral1° Mutirão de Limpeza da Semma recolhe centenas de itens em nascente...

1° Mutirão de Limpeza da Semma recolhe centenas de itens em nascente de rio vilhenense


Servidores já se programam para mais ações como esta em outros espaços da cidade

- Publicidade -

Sacos plásticos, garrafas de vidro e pet, entre outros resíduos danosos foram recolhidos pelos servidores da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) neste domingo, 19, na nascente do rio Barão do Melgaço. A ação ocorreu em alusão ao Dia Mundial de Limpeza das Águas e deverá ser estendida para diversos outros locais do município que também precisam de retirada de entulhos e lixo.

- Publicidade -

“Foi um sucesso. Recolhemos centenas de itens em vários sacos e pudemos deixar a nascente do Barão do Melgaço protegida. Agora com a macrodrenagem prestes a ser reativada e a praça construída aqui perto, temos o fim de um ciclo importante de preservação deste local, que não pode sofrer com assoreamento, resíduos nem abandono. Ao contrário, a atenção que o poder público tem dado aqui salvou o rio”, explica Rafael Maziero, secretário municipal de Meio Ambiente.

Na iniciativa estiveram servidores das secretarias municipais de Meio Ambiente e Comunicação. De acordo com a Semma, a destinação correta dos resíduos é importante para evitar que o lixo acabe obstruindo as nascentes, agredindo a fauna e flora, ou causando acidentes com transeuntes. A maioria dos materiais recolhidos demora centenas de anos para se decompor, podendo atrapalhar a vida natural em seu desenvolvimento durante todo esse período.

O assessor da Semma, Rafael Fonseca, explica que diversas iniciativas da secretaria visam a preservação e que o mutirão de limpeza deste domingo foi só o primeiro. “Temos já mapeado outros espaços, principalmente em rios e áreas de preservação, que precisam de ações como essa. Logo faremos outra. Contamos com a ajuda de todos que desejarem colaborar, pois uma cidade limpa depende de todos nós”, explica.

Fonseca revela ainda que nos próximos dias será realizada mais uma etapa de importante pesquisa de anfíbios em parceria com o Ifro de Colorado do Oeste. As excursões na mata e em locais de difícil acesso revelam a situação do ambiente na região e podem até mesmo resultar em descobertas de novas espécies.

POR: Semcom



VEJA MAIS NOTÍCIAS

- Anúncio-

Agricultura

Mais notícias

- Anúncio-