Rondônia, Brasil, sexta-feira, 28 de janeiro de 2022, às 21:09:23 - Email: [email protected] - Telefone: 69 9957-2377



Especial Dia das Mães: um lado “mãe” que talvez você ainda não conheça, vem conferir

- Advertisement -


Bom dia, boa tarde, boa noite meus chuchus!

Sentiram saudades, cambada? Eu espero muito que sim… e se você não me conhece:

- Advertisement -
- Advertisement -

Meu nome é Mizellen Amaral e já faz um tempinho desde que estive aqui! Mas a saudades bate, a gente fica carente e agora eu tenho algumas novidades… estarei trazendo alguns assuntos novos aqui, então fica espertx!

- Advertisement -

Mas hoje é um dia extremamente especial: hoje é o Dia das Mamães! Por isso, eu decidi fazer o meu retorno a esta coluna trazendo cinco filmes que retratam mães em momentos diferentes, com personalidades e maneiras de ver a vida totalmente distintos.

Por isso, já faz sua pipoquinha e se prepare para anotar quais você vai maratonar hoje, hein?

BAD MOMS

Quantas vezes você ouviu sua mãe dizer: “um dia eu vou sumir dessa casa!”? Pois é, Amy teve uma ideia parecida, decidiu que havia se cansado da vida perfeita, do casamento perfeito e da carreira de sucesso perfeita. Enfim, perfeição é o c*ralh*, queremos uma vida bagaceira e movimentada.

Com três amigas que vivem situações parecidas com a dela, Amy parte em busca de uma aventura em sua vida. Mesmo com uma vida adulta completa, ela mostra que só porque é mãe ela não precisa ser perfeita o tempo todo. Porque é isso. As mães não são perfeitas, e temos que começar a aceitar isso.

O filme de comédia foi lançado em 2014, estrelado por Mila Kunis, e está disponível na Amazon Prime, Youtube e Google Filmes. Vem conferir comigo o trailer dessa obra:

O QUARTO DE JACK

Capitã Marvel já foi mãe, você sabia? Pois é, Brie Larson simplesmente arrasou como Joy neste drama. Sua personagem retrata a força e a coragem de uma mãe ao decidir dar um mundo melhor aos seus filhos. Na história, ela vive em cativeiro e cria seu filho Jack em um quarto (de onde nunca saem), até os cinco anos do garotinho.

É então que ela decide mudar essa realidade. Joy começa a bolar um plano para tirar Jack daquele quarto, enganando o homem que os mantinha ali. O filme ganhou diversos prêmios e emociona muitas pessoas (acesse esse link para conferir os prêmios recebidos pela obra).

O Quarto de Jack foi lançado em 2015, estando disponível nas plataformas Netflix, Telecine, Youtube e Google Filmes. Confira o trailer do filme:

MAMA

Para quem curte uma borradinha nos fundos das calças, Mama é um filme muito interessante. O gênero de terror traz a história de duas garotinhas, Victoria e Lilly, que acabam perdendo a mãe quando o pai a mata. No dia da fatalidade, Victoria e Lilly acabam desaparecendo e permanecem sumidas por cinco anos.

Depois desse tempo, elas reaparecem (oi, sumida). As duas crianças então passam a ficar sob os cuidados de seus tios Lucas e Annabel. Maaaas, nem tudo o que é parece bom pode ser. Logo os tios percebem que as duas garotinhas conversam com uma entidade que chamam de Mama (vai dar merda). Só que os tios ficam tipo “ah, deve ser por causa do trauma e tal”, e não fazem nada.

Vai. Dar. Merda.

É claro que dá muita merda, a coisa fede bastante. Mas para saber o que acontece, você vai precisar assistir. O filme está disponível no Youtube e no Google Filmes. Vem ver o trailer:

MINHA MÃE É UMA PEÇA: O FILME

Você quer assistir um filme que retrate a sua vida? Esse é o certo! Minha Mãe É Uma Peça é uma obra composta por três filmes incríveis estrelados por Paulo Gustavo, direto do cinema Nacional para as telas do sucesso. Na história, Dona Hermínia cuida dos dois filhos (Marcelina e Juliano) de uma forma muito engraçada.

Dona Hermínia é a típica mãe hiperativa que reclama de tudo, mas não vive sem os filhos. O que ganhamos? Um filme repleto de humor, bordões usados por nossas mães e emoção. Quando Dona Hermínia resolve sair de casa sem avisar ninguém, isso sim é algo a se ver (a primeira mãe na história que ameaçou e foi embora já deu start à Nova Era, se cuide não cambada).

Se você quer rir bastante, se emocionar e curtir um domingão topzera, procure pelo filme no Telecine, Youtube ou Google Filmes. O primeiro filme foi lançado em 2013, vem conferir o trailer:

BIRD BOX

As mães arrasam muito, até nas telas. Bird Box é um belo exemplo disso: Malorie está grávida e bem no meio disso tudo o mundo vive um apocalipse. Alguma coisa visível faz com que todas as pessoas se matem (whatafuck). Por isso, ela precisa lutar para sobreviver e dar à luz seu filho – não que ela pareça muuuito ansiosa por esse acontecimento, diga-se de passagem.

Malorie consegue se refugiar dos bichos endemoniados, ganha seu filho e de quebra a responsabilidade sobre mais uma menininha. O melhor desse filme são os nomes das crianças: garoto e garota. Original, mas estranho. Enfim, em um momento ela consegue se comunicar via rádio com uma galera e descobre que há um refúgio melhor no fim de um rio.

E lá vai Malorie planejar como escapar dos enviados de Lú, carregar as crianças e fugir para o refúgio. Você pode conferir o resultado dessa aventura na Netflix, vem ver o trailer:

MAS JÁ’CABOU?

Por hoje galera, é isso que eu tinha para trazer. Em 2021, o Dia das Mães será muito pesado para algumas pessoas, que perderam suas mães de forma prematura. Se você é uma dessas pessoas, saiba que eu tenho certeza do amor dela por ti. Independente do tempo, e onde ela esteja, com certeza ela estará olhando para você e te cuidando. Sinta-se abraçadx por mim, por ela e por todo o amor do mundo.

Para todas as mamães, das mais “Bad Moms” até as mais “Bird Box”, eu desejo um excelente Dia das Mães. Para todos eu desejo uma semana incrível!

Até a próxima, chuchus!

Beijão

 

* Todas as fotos são uma reprodução da Internet, sem nenhum direito autoral do site sobre as mesmas.

- Advertisement -










Veja também



Notícias relacionadas