Ouro Preto: mãe descobre vídeo de estupro a filha deficiente de 13 anos de idade

Ilustrativa

Vídeo estaria sendo compartilhado pelo celular através do aplicativo WhatsApp.

Uma mulher procurou a Delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste pare denunciar um estupro a própria filha, uma adolescente de 13 anos que, segundo a mãe, tem deficiência mental.

A denunciante disse à polícia que acabará de ver as imagens da menina tendo relação sexual com mais três homens.  Ela alegou que apresentaria o vídeo nesta terça-feira (8).

O vídeo estaria sendo compartilhado pelo celular através do aplicativo WhatsApp. As imagens estão editadas e divulgam o nome e a idade da jovem.

Conforme a denúncia, a menina teria contado que as imagens foram feitas em uma residência. A adolescente diz ter sido levada ao local por uma mulher.

 

Ouro Preto do Oeste