Vereadores apresentam seis requerimentos, Câmara aprova e Prefeitura deve prestar informações   - Folha de Vilhena
<

Vereadores apresentam seis requerimentos, Câmara aprova e Prefeitura deve prestar informações  

Editoria Jornal fevereiro 14, 2017 1


Os vereadores Rafael Maziero (PSDB) e Samir Ali (PSDB) apresentaram vários requerimentos à Casa de Leis, todos endereçados ao Poder Executivo na noite desta terça-feira, 14, durante a 2ª sessão ordinária e, após discussão todos eles foram aprovados pelos vereadores presentes. Agora, a prefeitura de Vilhena deverá prestar informações detalhadas aos edis conforme solicitação.

No total são seis documentos e em cada um deles os vereadores solicitam cópias de contratos e/ou detalhes pormenorizados sobre convênios e nomeações.

Entre os requerimentos do vereador Rafael Maziero, ressaltam-se;

– Requer à Prefeita Municipal que envie a esta Casa de Leis informações detalhadas da localidade de todos os lotes urbanos sem edificações de posse ou propriedade do Município;

– Requer à Prefeita Municipal que envie a esta Casa de Leis a cópia do contrato de concessão entre a empresa Transpaim – Transporte de Trabalhadores e a Prefeitura Municipal de Vilhena, bem como o mapa de todas as Linhas com os respectivos horários de circulação;

– Requer à Prefeita Municipal que informe a esta Casa de Leis a quantidade de professores municipais efetivos, quantos estão atuando com horas extras e quantos estão afastados por problemas de saúde, bem como a quantidade de professores que estão em sala de aula nomeados em cargos de provimento em comissão.

Por outro lado, o vereador Samir Ali requereu o que segue:

– Requer à Prefeita Municipal que envie a esta Casa de Leis cópias dos contratos de todos os imóveis locados pelo Município;

– Requer à Prefeita Municipal que envie a esta Casa de Leis informações detalhadas de todos os convênios firmados em 2016 e destes quais ainda estão em vigor;

– Requer à Prefeita Municipal que informe a esta Casa de Leis a quantidade de professores contratados com a carga horária de 30 (trinta) horas semanais, especificando o nome do servidor, a lotação, o valor da remuneração e dos encargos sociais, bem como a diferença orçamentária/financeira para equiparar a remuneração dos mesmos igual a dos professores de 40 (quarenta) horas semanais.

Cada vereador apresentou suas justificativas a seus pares e a população.

 

Texto e foto: Redação

Comente

comentários


Um comentário »

  1. Anônimo fevereiro 15, 2017 at 7:51 pm - Reply

    É isso aí, agora estamos à ver realmente a função de vereadores de verdade! !! Parabéns Rafael e samir pela atitude.

Deixe uma resposta »