Justiça suspende liminar autorizativa de pagamento de salário do ex-prefeito Rover - Folha de Vilhena

Justiça suspende liminar autorizativa de pagamento de salário do ex-prefeito Rover

Editoria II janeiro 20, 2017 0

A 4° Vara Cível da Comarca de Vilhena determinou no início deste mês que o município pagasse quase R$ 40 mil de salário ao ex-prefeito José Luiz Rover, preso em novembro de 2016, suspeito de chefiar um esquema de corrupção, onde foram desviados mais de R$ 5 milhões do Poder Executivo.

A determinação partiu por parte do judiciário, onde o município deveria pagar os salários referentes ao mês de novembro e dezembro do ano anterior. Após a prisão de Rover, o ex-presidente da Câmara de Vereadores, Célio Batista, que havia assumido a administração até o encerramento do ano, acatou a consignar, onde o Ministério Público de Rondônia (MP-RO) solicitava que fosse suspensa a folha de pagamento do ex-prefeito.

Ao receber a notícia, a prefeita do município, Rosani Donadon, entrou com recurso à decisão e nesta última quinta-feira, 19 de janeiro, o Juiz de Direito Fabrízio Amorim de Menezes emitiu o despacho, suspendendo a liminar outorgada e todo e qualquer pagamento que seja feito ao ex-prefeito.

Sendo este, apenas com determinação do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia.

Prisão

O ex-prefeito, Rover foi preso em novembro de 2016 durante a Operação da Polícia Federal, denominada como Áugias. Rover é acusado de comandar o esquema de corrupção, onde contava com a participação dos ex-secretários municipais, servidores e empresários (alguns ainda estão presos), onde juntos cometeram falsidade ideológica, lavagem de capitais, fraude à licitação, crime de responsabilidade, corrupção passiva, dentre outros desvios.

Redação

Comente

comentários

Deixe uma resposta »