Julgamento do Parecer Final da CPI inicia e dois dos três vereadores investigados se fazem presente na Câmara - Folha de Vilhena
<

Julgamento do Parecer Final da CPI inicia e dois dos três vereadores investigados se fazem presente na Câmara

Abel Labajos junho 1, 2017 0


Iniciou às 13h desta quinta-feira (01) na Câmara de Vereadores de Vilhena, o julgamento do Parecer Final expedido pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apurou as condutas dos vereadores: Junior Donadon, Vanderlei Graebin e Carmozino Alves, reeleitos nas eleições municipais de 2016.

Os trabalhos iniciaram com a leitura da carta de renúncia ao cargo de vereador apresentada por Junior Donadon, bem como, o parecer expedido pela Assessoria Jurídica da Câmara no caso em questão, que optou pela suspensão do pedido ate deliberações finais.

Para a assessoria jurídica Junior Donadon, não pode renunciar ao mandato de vereador em fase final da CPI com o intuito de livrar-se de uma possível inegibilidade política, caso for cassado neste dia.

Logo o relator da CPI – Vereador Rafael Maziero (PSDB) fez leitura da denúncia ofertada pelo advogado Caetano Vendimiatti Neto em 16/01/2017 que solicita a cassação dos mandatos dos vereadores denunciados e afastados por conduta incompatível com o decoro parlamentar, bem como, o parecer final que se inclina para a cassação do mandato.

Devido à apresentação da carta de renúncia de mandato, Junior Donadon não se fez presente na Casa Legislativa, já Carmozino Alves e Vanderlei Graebin estão acompanhados de seus advogados. Os três também respondem a um processo criminal na 1ª Vara Criminal da Comarca de Vilhena pelos crimes de corrupção passiva, lavagem e ocultação de bens.

Para cassar o mandato dos vereadores, será necessário que 8 parlamentares sigam o voto do relator que já se manifestou a favor da cassação.

O processo que poderá cassar o mandato dos vereadores tem cerca de 13 volumes, 3000 páginas e só o relatório contém 23 páginas.

Texto e fotos: Redação

Comente

comentários


Deixe uma resposta »