AVANÇOS: com quase 80 médicos, Vilhena atinge mais de 1.500 consultas especializadas por mês - Folha de Vilhena
<

AVANÇOS: com quase 80 médicos, Vilhena atinge mais de 1.500 consultas especializadas por mês

Editoria Jornal junho 9, 2017 0


Rede do município não oferecia atendimento amplo de especialidades há anos

A Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) realizou balanço das consultas especializadas oferecidas aos munícipes nos últimos meses e apontou avanços no serviço.

Há anos as especialidades tinham um número pequeno de consultas, e no início de maio a contratação de profissionais e a ampliação do atendimento na Policlínica João Luiz proporcionaram um aumento de 1.500 consultas divididas em cinco especialidades que eram deficientes no município.

No início de maio, a SEMUS transferiu o Centro de Referência em Saúde da Mulher e da Criança (CRESAMC) para a policlínica João Luiz e unificou as unidades para a reforma do prédio.

Com a unificação, cinco especialistas foram contratados e hoje integram a rede municipal de Saúde, ampliando os atendimentos. Hoje são disponibilizadas 120 consultas em cardiologia, 300 em neurologia (CER), 300 em oftalmologia, 120 em pediatria e 300 em ginecologia.

Além destes atendimentos, há um número grande em consultas com endocrinologista e urologista, dermatologista e ortopedista oferecidos na policlínica.

De acordo com o secretário de Saúde, estes são avanços que demonstram a melhoria da pasta. “Até dois meses atrás, se um vilhenense precisasse de um oftalmologista não tinha para onde correr. Hoje atendemos 300 pessoas por mês só nessa especialidade”, explicou.

A prefeita Rosani Donadon falou da satisfação em poder oferecer os serviços. “Meu compromisso com o povo de Vilhena foi contratar 100 médicos. Contratamos cerca de 40 médicos pelo processo seletivo e outros. Hoje a rede municipal de Saúde conta com quase 80 médicos, o que quer dizer que estamos muito próximos de cumprir integralmente com o prometido à população”, comemorou.

 

Fonte: Semcom

Comente

comentários


Deixe uma resposta »